Marketing Imobiliário

SEO: 7 maneiras de ganhar tráfego e leads no mercado imobiliário

7 maneiras de ganhar tráfego e leads no mercado imobiliário

Quando as pessoas decidem comprar uma casa, 90% dos compradores usam a internet.

Na verdade, 53% dos compradores começam sua pesquisa on-line, de acordo com “The Digital House Hunt”, um extenso relatório sobre as tendências de consumo imobiliário realizadas pelo Google e pela National Association of Realtors.

Mais do que nunca, as pessoas dirigem suas buscas para o mercado online quando se trata de procurar casas e encontrar agentes imobiliários.

De acordo com o perfil de compradores e vendedores no mercado imobiliário de 2016, 86% dos compradores consideram os sites imobiliários a fonte mais útil de informações ao comprar uma casa.

O primeiro passo que 44% dos compradores fazem quando vão comprar uma casa, é observar as duas primeiras páginas do Google.

Entre 2008 e 2012, pesquisas relacionadas a imóveis aumentaram 253%. Com tanta oportunidade on-line, os corretores de imóveis não conseguem perder esse tráfego valioso;

Para profissionais do ramo imobiliário, o SEO é mais importante do que nunca.

Quando se trata de capturar tráfego para termos relacionados ao setor imobiliário, os serviços de SEO começam com alvos de palavras-chave locais em um site pessoal.

Aqui vão algumas dicas para você melhorar os seus serviços de SEO.

 

SEO: Dicas para gerar tráfego e leads

 

  1. Destine as palavras-chave para o comércio locais.
  2. Escreva artigos no blog.
  3. Aproveite fotos e vídeos.
  4. Faça o seu Site Mobile com um design responsivo.
  5. Seja listado em Diretórios.
  6. Otimize sua biografia no site do seu corretor.
  7. Incorpore redes sociais.

 

Destine as palavras-chave para o comércio locais.

 

Mais de 60% dos compradores domésticos começam sua pesquisa com uma frase de palavras-chave local, como “Imobiliárias em Copacabana”.

A maioria dos corretores de imóveis atendem a várias cidades e regiões. No entanto, quando você inicia seu site, concentre-se na principal cidade onde você faz negócios primeiro.

A partir daí, construa palavras chaves que visam outras áreas.

Otimize seu site para termos de pesquisa como:

  • Casas à venda em [Cidade]
  • Mercado imobiliário em [Cidade] casas à venda
  • Apartamentos em [Cidade]
  • Corretor de imóveis em [Cidade]
  • Imobiliária em [Cidade]

 

Essas palavras podem aparecer em páginas em seu site. Por exemplo, um site com foco apenas em Copacabana pode ser organizado assim:

  • Morando em Copacabana
  • Opinião de moradores de Copacabana
  • Sobre o seu corretor de imóveis em Copacabana

Ao longo destas páginas, incorpore os alvos de palavras-chave locais, trabalhando em conteúdo que seja útil para um potencial comprador de casa.

Quanto mais segmentado um site imobiliário pode ser, melhor.

 

Se concentre em capturar o tráfego local. Você tem uma chance muito melhor de classificar, digamos, “corretor de imóveis em Copacabana” do que “corretor de imóveis do Rio de Janeiro”.

Você terá mais sucesso se você tomar uma abordagem mais direcionada.

 

2. Escreva o post do blog nas casas que você está especialmente interessado em vender

 

Um agente imobiliário pode representar centenas de casas por vez, mas sempre tem aquela que você quer vender mais do que todas as outras, não é mesmo?

Uma maneira de garantir o tráfego do seu site para essas propriedades específicas é escrever postagens de blog.

Cada postagem do blog deve segmentar o endereço de uma propriedade específica, que os compradores em perspectiva estarão buscando o uso do Google. O endereço se torna a palavra-chave – siga todas as melhores práticas de SEO, como usar a palavra-chave em:

  • Meta Description
  • title tag
  • Alt-title as fotosEtiqueta Alt nas fotos
  • Nome do arquivo nas fotos
  • O conteúdo

Quanto ao conteúdo em si, venha com 2000 palavras de conteúdo exclusivo descrevendo os recursos da casa, além da descrição padrão – e neste caso, você não precisa se preocupar se o conteúdo é plagiado.

O Google espera ver essas descrições de casas aparecerem na web. Você não será penalizado por incluir informações de listagem padrão.

No entanto, se quiser classificar o endereço como uma palavra-chave, você também deverá incluir conteúdo exclusivo.

 

3. Aproveite as fotos e vídeos

 

Fotos e vídeos são objetos de engajamento chave em todos os sites, mas isso é muito mais importante para um site imobiliário.

Os compradores de casas adoram ver um vídeo para fazer uma “webtour” no interior de suas potenciais casas novas. Além de vídeos, considere capturar depoimentos em vídeo, também.

Sempre que você vende uma casa, obtenha um depoimento. Se você tem uma câmera de vídeo, uma mão firme e uma boa iluminação, tente obter esse testemunho registrado no local. O comprador geralmente está em êxtase logo depois de ter suas chaves. Esse é um ótimo momento para pedir uma revisão.

Um grupo imobiliário catarinense relatou ter visto 403% mais views em casas que possuíam vídeos do que nas que possuíam apenas fotos

 

4. Faça um site responsivo

 

As estatísticas mostram que os compradores estão buscando imóveis em dispositivos móveis. O relatório “The Digital House Hunt” referenciado anteriormente também encontrou:

  • 89% dos compradores de casas novas pesquisam usando um dispositivo móvel durante o processo de compra da casa.
  • Um crescimento de 300% das pesquisas relacionadas ao corretor imobiliário ano após ano.
  • As buscas aumentaram 180% ano a ano em dispositivos móveis.

O relatório descobriu que os compradores estão aptos a usar sites imobiliários móveis, enquanto em casa, no trabalho, enquanto esperam na fila, nos restaurantes e nas casas de outras pessoas.

Os compradores domésticos visitam sites imobiliários para:

 

  1. Ler informações gerais da casa
  2. Obter direções para visitar uma casa
  3. Comparar os preços
  4. Comparar os recursos
  5. Ligar para um corretor
  6. Ler comentários
  7. Financiamento
  8. E-mail / contato com um corretor
  9. Assistir a um vídeo online sobre uma propriedade

Com essas estatísticas em mente, é claro que fazer o seu site celular é um fator importante no SEO imobiliário. Recomendamos usar o design responsivo, que é a configuração móvel preferida do Google (leia mais sobre o design responsivo).

 

SEO: além do seu site

 

Além de otimizar o seu site pessoal para o tráfego, há etapas que você pode tirar fora do site para atrair potenciais clientes, como também, otimizar sua página biográfica no site da sua agência imobiliária, sendo listado em diretórios e usando as mídias sociais estrategicamente.

 

5. Esteja nos sites de busca de imóveis

 

Esses sites sempre recebem muito tráfego. Nenhum site possui maior tráfego que eles, por isso vale a pena se inscrever neles. Cada um dos seguintes sites imobiliários altamente traficados são disponíveis para corretores de imóveis:

 

  1. ZAP
  2. Olx
  3. Trovit
  4. Mercado Livre

O Zap sozinho tinha 498 milhões vistas em um único mês e o Olx tinha 277 milhões. Há muito tráfego potencial para ser capturado.

 

6. Otimize sua Bio no site do seu corretor

 

Se você é um agente de imóveis que trabalha com uma agência, sua casa de corretagem é mais provável que hospede uma página da Web para cada agente de imóveis.

Embora seja improvável que este subdomínio possa se classificar para um alvo de palavra-chave local, esta é uma excelente página para otimizar seu nome.

As pessoas irão ao Google seu nome, então é algo para o qual você deve otimizar.

Recomenda-se que você coloque o seu nome completo na titletag e na metadescription.

Além de classificar para o seu nome, você também pode usar a página bio para fornecer informações de contato e link para seu site pessoal.

Para obter dicas adicionais sobre ranking para o seu nome, confira “Rank for Your Name“, que tem mais informações sobre o porquê e como usar seu nome como uma palavra-chave.

 

7. Incorpore as redes sociais

 

Quando se trata de relações com os clientes, as mídias sociais são uma ótima maneira de iniciar relacionamentos ou fortalecer os existentes.

Um corretor de imóveis com uma presença ativa das mídias sociais é capaz de interagir com os clientes onde estão todos os dias: Facebook, Twitter, Google+, Pinterest e / ou Instagram.

Faça sua pesquisa e descubra onde seus clientes-alvo são mais ativos socialmente.

O mercado Imobiliário é tudo sobre relacionamentos – qualquer registro que você possa construir em mídias sociais que mostre sua experiência é importante.

Quando as pessoas o examinam e descobrem uma presença saudável e profissional das redes sociais, ela irá sinalizar a confiança.

Como fotos e vídeos são componentes-chave nas vendas imobiliárias, Pinterest e Instagram são plataformas particularmente úteis para corretores de imóveis.

No Facebook, considere juntar-se a grupos baseados em localização e no Google+, ativar-se nas comunidades locais.

Em todas as plataformas, use as mídias sociais estrategicamente, empregando hashtags como #mercadoimobiliario ou #imobiliario.

Agora você já sabe como melhorar o seu serviço de SEO e fazer com que o seu cliente em potencial encontre sua página.

Seguindo essas dica e outras dicas aqui do blog  você pode ter uma melhora de 200% no tráfego do seu site em poucas semanas.

Você pode gostar

Relacionados