Marketing Imobiliário

SEO para construtoras, atraindo clientes através do Google

Hoje dia, os negócios que não aparecem tendem a ser esquecidos. Portanto, estar entre os primeiros lugares é um grande passo para ter sucesso. Esse reconhecimento online pode beneficiar todos os setores, inclusive o imobiliário. Por isso, o SEO para construtoras está cada vez mais relevante.

De acordo com pesquisas realizadas no setor, aproximadamente 65% das pessoas que buscam imóveis avaliam os resultados do Google. Ou seja, as pessoas realizam uma pesquisa previa na internet antes de entrar em contato com qualquer empreendimento da área.

Em função disto, é importante que a plataforma da construtora ou imobiliária esteja bem posicionada nos principais buscadores. O SEO para construtoras se refere a uma série de técnicas para atrair o seu público-alvo. Lembrando que SEO significa Search Engine Optimization em inglês ou “Otimização para Motores de Busca” em tradução livre.

Caso você já tenha um espaço para chamar de seu na internet, é essencial saber como se colocar na primeira página. Ainda está criando o seu site? Ótimo, aproveite para incluir essas técnicas para fomentar seus resultados. Afinal, você quer estar no topo dos buscadores e os seus clientes tendem a confiar em uma companhia que está entre as primeiras opções.

Vale salientar que o trabalho eficaz de SEO para construtoras demanda algumas medidas. É preciso colocar em prática alguns tópicos para aprimorar a encontrabilidade de sua companhia e maximizar os seus resultados.

 

SEO para construtoras: ações para chegar ao topo das pesquisas

1 – Quantidade de palavras-chave

Um conteúdo de qualidade é um dos elementos determinantes no SEO para construtoras. Esse trabalho bem feito lhe coloca prontamente nas primeiras posições dos buscadores. Alguns termos específicos ao longo dos seus textos vão facilitar essa operação.

Nos dias de hoje, a inclusão das palavras-chave não integra mais os elementos de posição. Você não pode encher o seu conteúdo delas e tampouco deixá-las de fora. A sugestão é escrever de modo natural, correto e interessante. Além disso, use negrito para chamar atenção aos termos no seu texto.

Com esse detalhe, as palavras serão identificadas facilmente pelos mecanismos de buscas e concederão mais destaque.

 

2 – URL

Elaborar uma URL curtinha e objetiva não é tão simples. Isso porque o segmento imobiliário já conta com diversas variações com o mesmo intuito. Por isso, o ideal é construir uma URL que tenha palavras-chaves relacionadas ao seu site. E não repita esses termos, uma vez que a repetição prejudica os seus resultados.

E nem exagere na sua URL. Quando se opta por uma frase, você acaba sofrendo com a colocação de símbolos no meio e isso tira o seu peso na hora das buscas. Simples, relevante e que se relacione com seu conteúdo.

 

3 – Título de página

Se esforce ao máximo para que o título de cada página do seu site valorize o seu material. Isso mostrará a importância e facilitará a vida do seu visitante. A partir daí, o Google entende a finalidade da página e consegue lhe incluir nas pesquisas segmentadas.

Usar os termos corretos também é fundamental, só que sem se exceder no seu trabalho. É importante salientar que existe a coerência tanto entre o título da página quanto o título do seu conteúdo.

 

4 – Imagens

As imagens são fundamentais para promover a venda ou aluguel de uma propriedade, não é? Além disso, os mecanismos dos buscadores ainda não têm condição de interpretar essas figuras. Portanto, é fundamental adicionar uma pequena descrição nas suas imagens.

Essa descrição é formada por poucas palavras, preferencialmente, palavras-chaves que podem aparecer quando passar o mouse por cima. Um nome qualquer pode prejudicar a sua colocação. Por isso, tenha esse cuidado sempre!

 

5 – Seções

É possível salientar algumas partes do seu material, indicando o que aquela determinada parte significa. Ou seja, você pode usar as tags (H1, H2, H3, etc) para dividir adequadamente o seu conteúdo de apresentação. E se adotar a H2 e H3, se lembre que a H2 vem antes da H3 e assim por diante.

 

6 – Descrição do site

Quando o seu site surge nos resultados de buscas, também surge a descrição de sua página. O fato é que esse tópico não está entre os mais influentes no SEO para construtoras. Só que também faz a diferença ao apresentar ao internauta o que pode achar ao entrar no seu site.

O ideal é contar com uma descrição bem curtinha com até 160 palavras. Esse tamanho do texto que deve será exibido nas pesquisas. Outra sugestão é incluir as suas palavras-chaves na descrição. Quando uma busca adotar um dos seus termos, ele se destacará com negrito e chamará a atenção do visitante.

 

7 – Arquitetura do seu site

A disposição do seu site também interfere nos resultados do SEO para construtoras. Portanto, é indispensável montar uma página com estrutura apropriada e que não confunda o seu visitante.

Isso faz com que os mecanismos de buscas não necessitem atravessar inúmeros links para achar o que procuram. E, consequentemente, o seu cliente em potencial também terá muito menos trabalho para achar o seu site oficial.

Outro detalhe é com relação ao visual do seu site. É de vital importância que a página seja desenvolvida para facilitar e não atrapalhar a sua navegação. Ou seja, as informações primordiais devem ser achadas com facilidade, bem como os imóveis que estão à disposição para compra ou aluguel.

A usabilidade do seu site deve ser simples e intuitiva. Senão o internauta acabará partindo com um simples clique e sem sequer avaliar o que você tem a mostrar. Portanto, você deve se concentrar em atrair o seu público-alvo com o SEO para construtoras. Mas, também precisa se focar em mantê-los no seu site.

Quer conhecer outras maneiras de chamar atenção de clientes em potencial com uso do SEO para construtoras? Acesse o site e conheça o trabalho do especialista em Marketing Digital Imobiliário, Pedro Hermano.

Dessa maneira, você ficará por dentro de todas as vantagens e a lucratividade que a adoção de técnicas digitais poderá trazer para os seus negócios. Esse pode ser o pontapé inicial para uma nova fase muito mais interativa no seu empreendimento.

Você pode gostar

Relacionados